Belezas de Jaru

por Edimarlon Oliveira Campos publicado 08/05/2018 11h25, última modificação 08/05/2018 11h25
Se você também tem uma foto de nossa cidade, encaminhe pra gente! Envie por e-mail ou inbox no Facebook, com o seu nome completo e local da foto. As selecionadas serão publicadas no Facebook e no site da Câmara Municipal ! e-mail: edimarlon.jipa@hotmail.com Facebook: https://www.facebook.com/camara.dejaru

Amanhecer em Jaru por Claudia Tubiana

por Edimarlon Oliveira Campos última modificação 08/05/2018 12h46
Quando nosso céu se faz moldura ♫ Para engalanar a natureza ♪ Nossa cidade tem várias belezas. Uma delas foi fotografada pela Claudia Tubiana que é ciclista e funcionária pública aqui em Jaru !
Amanhecer em Jaru por Claudia Tubiana
Imagem no tamanho completo: 96 KB | Visualizar imagem Visão Baixar imagem Download

Rio Jaru por Gilmar Floriano

por Edimarlon Oliveira Campos última modificação 14/05/2018 15h52
Nessa semana vemos a fotografia de Gilmar Floriano. O morador local capturou este momento debaixo da ponte do Rio de Jaru. Se você tem uma foto de nossa cidade, encaminhe pra gente! Envie por inbox aqui no Facebook, com o seu nome completo e local da foto. As selecionadas serão publicadas aqui no Facebook e no site da Câmara Municipal! Pessoas que chegaram aqui há mais de 50 anos mostram o significado do rio nomeado pela Comissão Rondon para o povo local: “Fazíamos a borracha igual a um rosário, bem redondinho assim. Dobrava colocava em cima da jangada e por cima dela uma tábua e ia uma pessoa em cima. E descia de rio a baixo.” “Aqui existia a balsa no rio Jaru porque não tinha ponte. [...] Era uma dificuldade porque os boiadeiros e os caminhoneiros que chegavam ali para atravessar a balsa, ás vezes ela estava quebrada, né e não tinha como passar. Daí ficava de cento e poucos caminhões da beira do rio até lá no alto, até onde alcançava né. [...] Daí as mercadorias [...] vinham tudo pelo rio no batelão e só vinha no mês de junho que era quando o rio estava baixo” “A gente vivia aqui do peixe do rio Jaru, da caça de paca, cutia; né vivia da caça. [...] A gente só comia caça feita no óleo da castanha.” Os trechos acima estão contidos no estudo escrito por Érica Cayres Rodrigues, mestre em Letras pela Universidade Federal de Rondônia e professora do Instituto Federal de Rondônia. #JARU #BELEZASDEJARU
Rio Jaru por Gilmar Floriano
Imagem no tamanho completo: 11 KB | Visualizar imagem Visão Baixar imagem Download

Rio Jaru por Gilmar Floriano

por Edimarlon Oliveira Campos última modificação 17/05/2018 11h57
#JARU #BELEZASDEJARU
Rio Jaru por Gilmar Floriano
Imagem no tamanho completo: 32 KB | Visualizar imagem Visão Baixar imagem Download

Ações do documento